Search
Close this search box.

Idoso é preso suspeito de se masturbar durante sessão do filme da Barbie

Idoso é preso suspeito de se masturbar durante sessão do filme da Barbie
Imagem ilustrativa — Foto: Freepik
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
Twitter
Telegram

O crime aconteceu em São Paulo. O suspeito foi encaminhado ao 13º DP (Casa Verde)

Um homem de 66 anos foi preso em flagrante durante uma sessão do filme “Barbie” em São Paulo após ter sido visto supostamente se masturbando. O caso ocorreu nesta quarta (26) no Cinemark do shopping Center Norte, na Vila Guilherme, zona norte da capital. Segundo a SSP (Secretaria da Segurança Pública), ele é suspeito de importunação sexual.

Paloma Castilho, 21, foi a denunciante. Segundo ela, a exibição do longa foi iniciada por volta das 15h40. Dez minutos depois, o idoso se sentou ao seu lado. Ao perceber o que ocorria, ela ficou atônita e cutucou uma amiga. Ao notar que havia sido pego, o homem então se levantou e tentou deixar a sala de cinema, quando Paloma gritou.

“Tarado! Eu disse. Então, todos começaram a se levantar para pará-lo e a segurança do local foi acionada”, relata à reportagem. “Desabei. Estava muito assustada com aquilo. Logo, várias mulheres estavam ao meu redor para dar apoio.”

O suspeito foi encaminhado ao 13º DP (Casa Verde), onde a ocorrência foi registrada por Paloma.

A reportagem teve acesso a vídeos que mostram o momento da confusão. Neles frequentadores e funcionários tentam segurar o suspeito, que nega ter realizado o ato.

Em nota, a rede Cinemark informa ter prestado apoio à cliente assim que tomou conhecimento do ocorrido e acionado a equipe de segurança do shopping. “A rede colaborará com as autoridades e segue à disposição para auxiliar na resolução do caso. A empresa destaca, ainda, que zela pela segurança de seus clientes e repudia veementemente qualquer ato de assédio”, completa o texto.

Já o shopping Center Norte declara ter, assim que tomou conhecimento da denúncia, prontamente acionou os responsáveis, tomando as atitudes cabíveis sobre o ocorrido e encaminhando aos órgãos pertinentes. A empresa reitera que repudia qualquer tipo de desrespeito aos clientes e está acompanhando a resolução do caso.

 

 

Para mais notícias clique aqui e também nos siga nas redes sociais @maisvipoficial

 

 

Fonte: BRUNO LUCCA/FOLHAPRESS

COMPARTILHE: