Search
Close this search box.

Duda quer igualar salário do presidente ao dos professores por três meses

Duda quer igualar salário do presidente ao dos professores por três meses
Duda Salabert (PDT-MG) apresenta projeto na Câmara para igualar salários do presidente, congressistas e ministros aos dos professores da educação básica — Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
Twitter
Telegram

Deputada federal do PDT também quer igualar vencimentos dos congressistas e dos ministros aos dos docentes da educação básica

A deputada federal Duda Salabert (PDT-MG) apresentou na Câmara um projeto de lei para igualar por três meses os salários do presidente da República aos dos professores da educação básica. Pela proposta, o vice-presidente, os congressistas e os ministros de Estado também teriam seus vencimentos igualados aos docentes.

Na justificativa do projeto, Duda Salabert apontou que a discrepância entre os vencimentos das categorias ” é um reflexo da desigualdade social existente” no País. De acordo com a parlamentar, “a proposta não apresenta impacto financeiro e sim uma substanciosa economia aos cofres públicos, que pode ser revertida para a educação”.

Atualmente, o subsídio dado ao primeiro escalão do Executivo e do Legislativo é de R$ 41.650,92, conforme o decreto legislativo 172/2022. Os vencimentos aumentam para R$ 44.008,52 a partir de fevereiro do ano que vem, fechando em R$ 46.366,19 em fevereiro de 2025. Já o piso nacional dos professores é de R$ 4.420,55 neste ano, uma diferença de R$ 37,2 mil.

 

 

Para mais notícias clique aqui. Nos siga nas redes sociais! @maisvipoficial

 

 

Fonte: O Tempo

COMPARTILHE: