Search
Close this search box.

Universidade vai servir picanha e camarão no bandejão na volta às aulas

Carnes foram congeladas até o início das aulas da graduação
Carnes foram congeladas até o início das aulas da graduação — Foto: UEPG/ Divulgação
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
Twitter
Telegram

Opções de proteína vão ser integrados ao cardápio do restaurante universitário da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), no Paraná

 

Picanha e camarão são pratos vendidos a preços altos em restaurantes Brasil afora e geralmente não figuram em cardápios populares. Mas na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), no Paraná, os estudantes da instituição vão ter as duas opções de proteína no bandejão do restaurante universitário.

A inclusão da picanha e do camarão nas opções aos estudantes se deu após uma doação da Receita Federal de 1.225 kg de picanha e 80 kg de camarão. A carga veio da Argentina com validade de 90 dias e foi apreendida pelo órgão  por problemas com a documentação. Os restaurantes universitários devem começar a servir as carnes a partir do retorno das aulas da graduação.

 “A Receita Federal acionou a UEPG, pois nós temos uma história de parceria e ficamos muito felizes por receber carnes de ótima qualidade. A doação desse tipo de carga não é muito comum, mas a gente fica muito feliz com essa lembrança da Receita Federal com relação à UEPG. Esse material vai chegar em um momento importante e é um estímulo aos alunos, que estarão retornando às aulas”, destaca o reitor em exercício, professor Ivo Mottin Demiate.

O delegado da Receita Federal em Ponta Grossa, Demetrius de Moura Soares, informa que as carnes vieram ao Brasil para serem entregues a grandes churrascarias de Curitiba. “Na medida que evitamos a concorrência desleal, doações como essa contribuem com a sociedade e quando retiramos de circulação esses produtos, potencializamos nosso resultado na destinação à comunidade acadêmica”, comentou em nota divulgada pela universidade.

As carnes recebidas já foram distribuídas para os dois restaurantes – Campus Uvaranas e Campus Central. A Prefeitura do Campus, responsável pelo restaurante universitário Centro, irá avaliar com a equipe nutricional a melhor maneira de incluir a picanha e o camarão no cardápio.

 

Para mais notícias clique aqui. Nos siga nas redes sociais! @maisvipoficial

Fonte: O Tempo

COMPARTILHE: