Para reforçar a importância do Aleitamento Materno, o Hospital Márcio Cunha (HMC) inicia mais uma Semana da Amamentação. Este ano, o tema escolhido para a campanha que acontece mundialmente é ‘Aleitamento Materno: A base da vida’.

Os principais objetivos da Semana da Amamentação são: informar sobre o modo como a amamentação está ligada a uma boa nutrição, vincular a amamentação à segurança alimentar e diminuição da pobreza, motivar ações para promover a amamentação como parte das estratégias de nutrição, segurança alimentar e redução das desigualdades, além de promover o envolvimento com indivíduos e organizações que trabalham nessas questões.

Para celebrar a Semana da Amamentação, o Hospital Márcio Cunha (HMC) preparou uma série de palestras para abordar a importância do aleitamento materno. Dando abertura à campanha, a residente do HMC em Pediatria, Francine Silveira Fernandes ministrou uma palestra aos pais, mães e acompanhantes das gestantes internadas no hospital.

A residente começou falando sobre os benefícios que o aleitamento materno fornece aos bebês. “A amamentação é um alicerce da boa saúde das crianças. Amamentar, além de ser um ato de amor da mãe com o filho, é um momento de aproximação entre os dois. Muitas vezes, quando o neném nasce, as mães de primeira viagem não sabem o que fazer. E amamentar é o que há de mais natural, mesmo que não seja fácil, esse ato vai fortalecer tanto a saúde do recém-nascido quanto os laços entre mãe e filho”, explicou Francine Silveira Fernandes.

A palestrante também falou sobre a importância de a mulher estar calma e concentrada durante a amamentação. “Amamentar é algo fisiológico, mas sabemos que nem toda mulher consegue dar de mamar para o filho com tanta facilidade. Então é necessário que, no momento em que for amamentar, a mulher esteja completamente envolvida com o seu bebê e esteja tranquila. E essa tranquilidade tem que ser estendida a todos que estiverem em volta da mãe. Amamentar tem que ser prioridade para a mulher, ela tem que estar calma para conseguir produzir leite e dar de mamar para o filho”, informou a residente.

Outro benefício da amamentação é a praticidade e a economia, uma vez que o leite é produzido pelo próprio organismo materno, na temperatura correta, o que facilita a vida da mãe que não precisará esquentar mamadeiras, lavar utensílios de cozinha, entre outros. Por isso é recomendado que toda criança seja alimentada exclusivamente com leite materno nos primeiros seis meses de vida – isto é, sem água, chá, sucos, sopas ou papinhas – e, se possível, continuar a mamar por até dois anos ou mais.

Aline Gonçalves teve uma experiência positiva com o primogênito e espera que seja da mesma forma com o segundo. “O meu primeiro filho eu amamentei até os dois anos de idade e sei da importância do leite materno para o desenvolvimento da criança. Então agora com o segundo bebê eu espero também conseguir amamentar por bastante tempo. Meu neném já conseguiu pegar o peito, o que é muito positivo e mesmo sentindo um pouco de dor, eu vou continuar amamentando”, afirmou Aline.

A balconista Thalia Gabriela Nascimento Vieira é mãe de primeira viagem e também teve a oportunidade de participar da palestra. “O momento foi muito proveitoso. Eu não sabia muito bem como o neném pegaria o peito, então a palestra foi boa para esclarecer as dúvidas. Eu estou conseguindo amamentar o meu filho e é bom ouvir dicas de quem sabe sobre o assunto. Agora me sinto mais preparada para voltar pra casa e continuar amamentando o meu filho”, concluiu Thalia.

PROGRAMAÇÃO

Ao longo da semana a programação continua, destinada a pacientes internadas no Hospital Márcio Cunha, a colaboradores e acompanhantes das gestantes.

Dia 9/08 – ‘Aleitamento Materno: A base da vida’, com Dra Vera Gaspar, pediatra, referência médica no Vale do Aço e especialista em amamentação.  A palestra é gratuita e aberta ao público. Para se inscrever basta entrar em contato pelo telefone 3829-9433.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite o seu comentário!
Digite o seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.