Divulgação

A Olicei 2019 – Olimpíada do Conhecimento, Cultural e Esportiva de Ipatinga retomou suas atividades nesta segunda-feira (9), com o início dos Jogos Escolares de Ipatinga (JEI). Mais de 5.000 alunos passarão pelo Centro Esportivo e Cultural 7 de Outubro e pela Usipa, disputando as modalidades de atletismo, futsal, handebol, voleibol e basquetebol, nas categorias masculino e feminino.

Nesta segunda, desde as 7h30, os primeiros confrontos encheram o ginásio Ely Amâncio, no Veneza I, com a presença de 36 times formados por alunos-atletas de mais de dez escolas municipais, estaduais e particulares, que iniciaram as disputas de handebol e futsal. Os jogos prosseguem por toda a semana, pela manhã e à tarde, e a programação continua até o dia 11 de outubro.

O prefeito Nardyello Rocha fez questão de acompanhar o início das atividades do JEI e destacou: “o melhor investimento que um governo pode fazer é no esporte e na educação. Com  isso, apostamos em um trabalho preventivo que não gera gastos com clínicas de recuperação, mas promove qualidade de vida, autoestima e motivação nos nossos adolescentes e jovens”, enfatizou. 

Rayane Damasceno, gerente de Esportes da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer (Semcel), destaca que os Jogos Escolares de Ipatinga são uma tradição na cidade e acontecem desde a década de 70. “Além de integrar os estudantes e revelar novos talentos, é vencendo as disputas no JEI que os alunos e a cidade ganham notoriedade no JEMG – Jogos Escolares de Minas Gerais”, explica. 

Kaiky Fernandes, de 13 anos, é um exemplo de atleta que levou o nome de Ipatinga para o JEMG deste ano, por ter ajudado a escola municipal onde estuda, Carlos Drummond de Andrade, no bairro Ideal, a ser campeã no handebol do JEI no ano passado.

“Em 2018, nossa escola conquistou 18 medalhas de ouro em diversas modalidades do JEI. Isso fez com que levássemos Ipatinga para o JEMG, por termos tirado o primeiro lugar no handebol. É muito legal poder cooperar com o time e com a cidade. Nós treinamos até fora do turno escolar e todo esse esforço me ajudou também a melhorar meu rendimento na sala de aula, porque se eu não tirasse boas notas não seria selecionado para jogar. Hoje é a primeira disputa da edição 2019 e nós vamos com tudo”, afirmou.  

Na primeira rodada dos Jogos, nesta segunda-feira, Kaiky e seus colegas da Escola Municipal Carlos Drummond de Andrade tiveram uma vitória apertada no handebol, levando a melhor sobre a Escola Estadual Laura Xavier Santana, do bairro Bom Jardim, por 10 a 9. 

Olimpíadas 2019

A Olicei prossegue até 31 de outubro, quando acontecem a Corrida Rústica e o Festival de Música e Dança. No ano passado, 6.200 alunos participaram da Olimpíada, e este ano o número chega a 8.500 alunos, um recorde na cidade, estando inscritas 60 escolas das redes de ensino municipal, estadual e particular. 

Em parceria, os profissionais das Secretarias Municipais de Educação e Cultura, Esporte e Lazer preparam toda logística dos eventos, dando suporte às disputas dos Jogos Escolares de Ipatinga (JEI).

Com apoio da Liga Ipatinguense de Esportes Especializados (Liespe), entidade conveniada com a PMI, o JEI recebe os árbitros para as partidas e as premiações aos primeiros colocados.  

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite o seu comentário!
Digite o seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.