Acompanhado de vereadores, secretários municipais e o diretor da WR Construtora, Wallace Barreto Simão, empresa ganhadora da licitação para edificar o conjunto habitacional, o prefeito de Ipatinga, Nardyello Rocha, visitou na manhã desta quarta-feira (18) o canteiro de obras onde estão sendo erguidos 240 novos apartamentos do Programa Minha Casa, Minha Vida, no bairro Nova Esperança.

Embora haja prazo contratual para entrega das moradias até dezembro de 2019, a expectativa é que as chaves sejam repassadas aos futuros moradores com sete meses de antecedência, dado o estágio avançado do trabalho no local.

O pico das obras deverá ser alcançado dentro de dois a três meses, gerando mais de 500 empregos diretos e indiretos

São 15 blocos, cada um deles com 16 apartamentos medindo 47 metros quadrados, distribuídos em dois quartos, sala, cozinha, área de serviço e banheiro. Dos quatro pavimentos previstos, a alvenaria já avança para o terceiro em muitas das unidades.

De acordo com o diretor da construtora, dentro de dois ou três meses a obra alcançará o seu pico, o que significará a utilização de cerca de 270 operários, preferencialmente moradores das redondezas. Contando os empregos diretos e indiretos, são mais de 550 postos de trabalho gerados, representando também a absorção de mão de obra em concreteiras, cerâmicas e fornecedores de alimentação, entre outros segmentos que compõem a cadeia produtiva.

O diretor da construtora garantiu que as obras seguem rígidos padrões técnicos

Meta do governo

“De acordo com o IBGE e também com base em inscrições no CadÚnico, temos em Ipatinga cerca de 4.600 famílias com renda mensal inferior a R$ 1.800. Estes cadastros estão rigidamente fiscalizados, inclusive com verificação de contas de luz e cruzamentos de dados, para que as pessoas realmente necessitadas sejam beneficiadas, sem favorecimentos ou protecionismos. Embora tenhamos apenas pouco mais de dois anos à frente para fazê-lo, esperamos zerar este déficit habitacional ainda dentro de nosso mandato”, projetou o prefeito.

O Executivo ainda ressaltou que, juntamente com as moradias, a Administração municipal está providenciando melhores estruturas de saúde, educação e lazer para o bairro, já dotado de uma nova Escola Municipal de Educação Infantil recém-inaugurada e com uma UBS em estágio de conclusão.

O secretário municipal de Planejamento, Athayde Campos de Carvalho, adiantou que o município já tem programadas 2.320 novas unidades habitacionais para este ano, aguardando apenas conclusão de processos burocráticos. A próxima frente de trabalho sinaliza para 496 apartamentos na região do bairro Planalto, já confirmada pela superintendência regional da Caixa. Para comparar, ele lembrou que, nos últimos 27 anos, o total de moradias erguidas para a população de baixa renda na cidade foi de 3.000 unidades.

Os beneficiados com os apartamentos em construção no Nova Esperança vão desembolsar um valor simbólico pela propriedade. São 120 prestações de R$ 80, sem entrada.

Obras adicionais

De acordo com Wallace Barreto Simão, da WR Construtora, “além de primar pela máxima qualidade na execução do projeto do conjunto habitacional, seguindo rigorosamente as normas técnicas, a empresa fará uma série de obras adicionais importantes, que vão melhorar ainda mais a paisagem no local”. Ele citou, entre outras ações, a implantação de um Centro de Convivência e o plantio de 150 palmeiras semiadultas. Ainda, ressaltou que toda a região foi dotada de rede de fibra ótica, significando a disponibilização de internet de alta velocidade inclusive para a vizinhança do conjunto habitacional.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite o seu comentário!
Digite o seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.