Após sete anos de espera, a ponte sobre o Rio Piracicaba, que liga Coronel Fabriciano à Timóteo, foi inaugurada após uma reforma nesta segunda-feira (20). A solenidade realizada nesta manhã faz parte das comemorações do aniversário de Fabriciano, que completa 71 anos de emancipação política.

A cerimônia contou com a participação de diversas autoridades, empresários da região e moradores das duas cidades. Após o corte da fita, autoridades e os presentes atravessaram a ponte, seguidos por carros do grupo Antigos do Vale.

“A ponte sobre Rio Piracicaba é uma obra do Dnit (governo federal), mas que foi possível graças união política de muitos em prol de um objetivo: reformar e liberar o acesso entre as Fabriciano e Timóteo, e também do Vale do Aço. Como prefeito e morador de Fabriciano, acompanhei todo o processo e fico feliz por participar desta conquista. É um presente de Deus entregar mais esta importante obra no dia do aniversário de Fabriciano. Agora, é lutar para construção das alças de acesso à BR 381”, resume o prefeito de Fabriciano, Dr. Marcos Vinicius.

Para o prefeito de Timóteo, Douglas Willkys, a reinauguração da ponte é um momento histórico para o Vale do Aço. “Esta obra é resultado de uma cobrança conjunta e força política da nossa região. Traz grande ganho econômico, social e mobilidade para as duas cidades e todo o Vale do Aço. O importante é haver a integração entre as lideranças para que as questões sejam resolvidas em prol da população, como nesta obra”, completa.

Ponte Velha

Conhecida como ponte velha e denominada por muitos como “Ponte da Vergonha”, entre outros nomes, a ponte que liga as duas cidades possui 125 metros de extensão e 10. Até 2005, era a única ligação direta entre Timóteo e Fabriciano, quando foi inaugurada a Ponte Mariano Pires Pontes, a “ponte nova”, entre o Centro de Fabriciano e o bairro Alegre, em Timóteo.

Em 2012, por apresentar problemas estruturais, a ponte foi interditada pelo Dnit, causando diversos transtornos à região, principalmente aos comerciantes que ficam próximos. Em 2013, a pista foi liberada para veículos leves e bloqueada para caminhões e ônibus. Em novembro de 2018, a ponte foi totalmente interditada para que as obras definitivas de reforma fossem realizadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite o seu comentário!
Digite o seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.