Search
Close this search box.

Julgamento do assassino do influenciador e empresário Tiago Brito é agendado

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
Twitter
Telegram

O julgamento acontecerá na próxima quarta-feira (10)

Na próxima quarta-feira (10), acontecerá o julgamento do assassino confesso do influenciador e empresário, Tiago Brito, assassinado no dia 15 de agosto de 2023. Nesse sentido, Tiago tinha apenas 36 anos quando quando o assassino o matou dentro da farmácia que era proprietário, no bairro Bom Jardim, em Ipatinga.

O assassino, Rainer de Almeida Dias, de 42 anos, confessou o crime e fugiu da polícia por quase cinco meses. A polícia o prendeu em fevereiro deste ano. Assim, ele vai a júri popular na quarta-feira, às 9h, no Fórum de Ipatinga. Rainer deve responder por homicídio triplamente qualificado.

Dessa forma, familiares e amigos da vítima organizam uma manifestação no dia do julgamento, em frente ao Fórum.

Recentemente, a viúva do humorista, Lorrane Brito, voltou a postar vídeos nas redes sociais, para lembrar a todos quem era Tiago Brito.

“Ele uma pessoa muito ativa nas redes sociais, então muitas pessoas o conheciam por lá. Por essa razão, decidi retomar as postagens sobre o caso e abordar o andamento do julgamento. Meu objetivo é reavivar a memória das pessoas em relação ao ocorrido”, declara a viúva.

Assim, o objetivo da família com as movimentações nas redes sociais é fazer com que o crime não fique impune e que Tiago Brito seja lembrado.

“Meu marido era um homem feliz, sem preconceitos. Fazia vídeos na internet para alegrar as pessoas. Ele nem conhecia o homem que o matou. Foi morto por um desconhecido!”, detalha Lorrane.

Manifestação no dia do julgamento

Além da família e dos amigos, Lorrane convida os seguidores de Tiago a estarem presentes na porta do Fórum de Ipatinga, na próxima quarta-feira 910), para darem força ao movimento.

Ela pede que, quem estiver presente, vá usando uma camisa branca.

“Quem for seguidor e quiser estar aqui conosco, venha com uma camisa branca também. O que nós queremos é que a justiça seja feita e que o assassino pague pelo que fez, por ter destruído as nossas vidas. Temos dois filhos: um adolescente de 16 e uma criança autista de 2 anos, que vem sofrendo muito com a ausência do pai, já que era ele quem o acompanhava no tratamento”, finaliza a viúva.

Foto destaque: Reprodução/Acervo pessoal

Para mais notícias clique aqui e também nos siga nas redes sociais @maisvipoficial

COMPARTILHE: