Othon Valgas, ator e diretor de Teatro no Vale Do Aço escolheu o solo “Nunca Fui Santa” para iniciar as comemorações de seus 30 anos de atividades artísticas.

A peça é uma realização de Santinhas Do Pau Oco Produções de Comédias e Tia Teteca Films e será apresentada nesta quarta-feira (18), às 20h30 no Cnetro Cultural Usiminas. Vendas de ingressos na bilheteria do Centro Cultural Usiminas e site www.eventim.com.br e custam R$ 20 no programa Ingresso Solidário (mediante a doação de 1 kg de alimento)

Nunca Fui Santa é um roteiro engraçadíssimo que mistura drama e comédia para contar a história de uma religiosa, irmã de caridade. Ela vai transformar o Teatro do Centro Cultural Usiminas numa sala de aula, onde ela mesma, a Madre Superiora Terezinha ensina uma classe de alunos, durante uma aula de catecismo, assuntos variados. É gargalhada do começo ao fim, tem hora da confissão, tem penitência e até milho para ajoelhar. Nunca Fui Santa é uma noite de muitas surpresas e total bem-aventurança.

Sobre Othon Valgas 

É de Minas Gerais e adora o teatro mineiro. Descobriu o teatro em 1989, mas desde criança descobriu os palcos.

Está à frente, desde 1999 da Cia de Teatro Corpo de Prova criada pelo saudoso diretor Antonio Guarnieri Foi fundador, juntamente com Didi Peres do Grupo de Teatro Farroupilha.

Trabalhou com grandes diretores do Vale do Aço e foi aluno de Darci di Mônaco, Antônio Guarnieri, Adão de Faria.

Foi dirigido por diretores nacionalmente conhecidos como Cininha de Paula, Sérgio Brito. Atuou no filme Uma Onda No Ar do cineasta Helvécio Ratton.

Produziu e dirigiu vários espetáculos, como “As Santinhas do Pau Oco”, “Terapia pra Mulheres”, “Manual do Canalha” de Duda Ribeiro e muitos outros. Responsável pela conferência de Shakespeare em Minas Gerais ele divide seu tempo entre o Brasil e a Inglaterra onde deu início ao projeto: O Teatro dos Outros.

Experiência na Europa

Desde 2011 Othon desenvolve projetos relacionados ao teatro com a comunidade Brasileira. Foi em Londres que Othon dirigiu o filme Tia Teteca, curta-metragem premiado do anglo-brasileiro, Anderson Malta, que também assina a autoria da peça Nunca Foi Santa (Holy Moly). Durante suas viagens pela Europa estudando o teatro dos outros, Othon decidiu trabalhar juntamente com Anderson na tradução de Holy Moly, adaptando o texto para o Brasil, porém mantendo a cor, o cheiro e o humor britânico

Serviço

Espetáculo: Nunca Fui Santa

Dia 18 de Dezembro – Quarta às 20h30

Local: Teatro Do Centro Cultural Usiminas

Duração: 80 minutos

Classificação 14 anos

Vendas de ingressos na bilheteria do Centro Cultural Usiminas e site www.eventim.com.br – Informações 3822 3031/ 98777 3094

R$ 20,00 Ingresso Solidário mediante a doação de 1 kl de alimento.

Meia estendida a todos até 2 horas antes do evento. Faltando 2 horas: R$ 40 (inteira) R$ 20 (meia entrada para estudantes, professores, menores de 18 anos, maiores de 60, colaboradores Usiminas, Usiminas Mecânica, Unigal, Mineração Usiminas e Soluções Usiminas)

Elenco: Othon Valgas

Texto e direção: Anderson Malta

Iluminação: Otaviano Mendes

Participação e sonoplastia: Rodolfo Rodrigues

Figurino: Sula Valgas

Cenário: Beto Valgas

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite o seu comentário!
Digite o seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.